quinta-feira, 4 de setembro de 2014

ATENÇÂO COMUNIDADE !!! ATENDIMENTO JURÍDICO NA ASSOCIAÇÂO DOS MORADORES !!!

ATENDIMENTO JURÍDICO NA ASSOCIAÇÂO DOS MORADORES !!!

TODAS ÀS 6ª FEIRAS !!!

DAS 13:00 ÀS 17:00 horas.

Drª Maria Luisa Abreu

Atletas que querem participar dos treinos às 3ª feiras das 18:00 às 20:30 do Sub-20 entre os anos 97,96,95 e 94.

ATENÇÃO...!!! 

Atletas que querem participar dos treinos às 3ª feiras das 18:00 às 20:30 do Sub-20 entre os anos 97,96,95 e 94.
Estamos preparando o time para disputar o Campeonato Carioca Amador da Capital.

Queremos garotos com vontade de serem "VENCEDORES".
Quem se emquadrar nesses requisitos podem nos procurar na,

Associação de Moradores do Conj. CEHAB de Santa Margarida.
Estrada: Encanamento nº 861 ( Ao lado da Clínica da Família Rogerio Rooco )

Contato: (21) 98822-9954 / 7755-3014 ( Prrofessor: Arnaldo )

Comissão Técnica: Professores: Renato,,Edinho e Altair.

Capa da Sexy de agosto, Ana Paula Minerato vira ring girl no Jungle Fight

Capa da Sexy de agosto, Ana Paula Minerato vira ring girl no Jungle Fight

A loura, que já foi ex-panicat e musa da Escola de Samba da Fiel, anunciará os rounds das lutas no evento

O DIA
São Paulo - Ana Paula Minerato, capa da resista Sexy de agosto, será uma das ring girls do Jungle Fight, em sua 73° edição, que acontece neste sábado, no ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. A modelo, que já foi ex-integrante do programa Pânico na Band e musa da Escola de Samba Gaviões da Fiel, anunciará os rounds das lutas no dia.
Ana Paula Minerato será ring girl no Jungle Fight 73
Foto:  Divulgação
A ring girl, realizou um ensaio fotográfico para o evento e será uma das principas atrações, dentro e fora do cage, junto com suas companheiras, Geisa Victorino e Syllvia Andrade.
O Jungle Fight, contará com oito lutas no card, e os destaque será para o duelo feminino entre Maiara Alves e Ericka Almeida, que disputam o cointurão peso palha (52kg).
Loura já fez participações no Programa Pânico
Foto:  Divulgação
Evento acontece no próximo sábado, no ginásio do Ibirapuera
Foto:  Divulgação


    CAMPEONATO CARIOCA AMADOR DA CAPITAL SUB 20 2014 - FFERJ -

    CAMPEONATO CARIOCA AMADOR DA CAPITAL SUB 20, RODADA DUPLA EM SANTA MARGARIDA NO CARECÃO.
    1ª Rodada

    Jogo Data Dia Hora Jogo

    3 07/Set Dom 11:00 Mamaô X Heips 

    4 07/Set Dom 14:00 El Shaddai X Rio das Pedras

    Volantes foram decisivos na vitória sobre o Audax

    O Nova Iguaçu conseguiu na última quarta-feira, fora de casa, contra o Audax Rio, sua primeira vitória na Copa Rio graças aos gols de dois volantes: Paulo Henrique, em cobrança de pênalti, e Rodrigo César. A dupla, que tem como principal função defender teve papel fundamental no triunfo por 2 a 1, e a movimentação deles é uma das armas do time comandado por Marcelo Salles:

    "Hoje em dia o futebol não permite mais aquela coisa de que só o camisa 9 pode fazer gol. Na minha concepção, hoje os principais jogadores de uma equipe são os volantes. Ter um volante que consegue desgarrar da marcação e se apresentar para finalizar sempre cria muita dificuldade para a equipe adversária e hoje temos cinco atletas que têm essa qualidade", explicou o treinador.

    A vitória sobre o Audax Rio colocou o Nova Iguaçu na zona de classificação para a segunda fase da competição, mas além disso significou um enorme aprendizado para a jovem equipe Iguaçuana. O jogo disputado no Estádio Arthur Sendas foi intensamente disputado e nervoso, mas o Nova Iguaçu se portou bem e pôde comemorar os três pontos:

    "Sempre temos que aprender com todas as situações que nos são apresentadas. Foi um jogo atípico, pelas dimensões do campo, mas o maior aprendizado foi em relação à coletividade. Quanto mais eles trabalharem no coletivo, quanto maior for o objetivo de correr um pelo outro, isso fará diferença: ninguém querendo aparecer e todo mundo aparecendo", disse Marcelo Salles.

    O Nova Iguaçu volta a campo apenas na próxima quarta-feira, quando enfrenta o Duquecaxiense, às 15h, no Laranjão. O adversário realizou até aqui três jogos e sofreu três derrotas, com nove gols sofridos e apenas um marcado. Marcelo Salles acredita que não encontrará facilidades e exalta a necessidade de vencer dentro de casa:

    "A importância desse jogo é muito grande. Independentemente de quem seja o adversário, o peso é o mesmo. Precisamos pontuar principalmente em casa, então temos que buscar a vitória a qualquer custo. Sabemos o quanto foi difícil ganhar do Audax fora e caso não consigamos esses três pontos, teríamos de buscá-los fora de casa, e as dificuldades são cada vez maiores à medida que o campeonato vai chegando no seu momento de definição", finalizou.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Bernardo Gleizer/NIFC

    Ailton Ferraz: "Derrota não condiz com atuação do America"

    O America retornou de Volta Redonda com um resultado que não condiz com sua apresentação. Pelo menos este é o pensamento de seu treinador, Ailton Ferraz, após o revés da última quarta-feira (3/9), na quarta rodada da Copa Rio. O comandante americano disse que sua equipe teve mais volume e criação de jogadas que o Volta Redonda e, por isso, merecia ter saído com a vitória no Estádio Raulino de Oliveira:
    "Pelo o que desenvolvemos merecemos vencer o jogo e até um empate seria um bom resultado. Não fizemos uma partida brilhante, mas também não fomos mal. Inclusive criamos mais situações de gol do que o nosso adversário. No entanto pecamos no final e cedemos uma oportunidade em uma jogada morta, que ocasionou o pênalti. Mas o futebol é isso, às vezes você não marca e acaba sofrendo gols e o revés", revelou o técnico do time americano (foto).
    Deixando a derrota para trás e pensando nos confrontos futuros, Ailton ressaltou um fator positivo na tabela do clube: dois jogos seguidos em casa. Ele comentou que o America precisa aproveitar estes duelos e conquistar duas vitórias, e com isso seguirá mais vivo na briga por uma das vagas na segunda fase:
    "Temos que levantar a cabeça, porque vamos fazer dois jogos seguidos em casa. E para resolver a nossa situação no campeonato precisamos ganhar as duas. Ainda vou conversar sobre o jogo com os atletas, para a gente corrigir o que errou e tentar vencer o próximo duelo, contra o Audax. Disse para os jogadores que o sinal de alerta já foi aceso, porém temos totais condições de reverter esse quadro", relatou.
    Ailton Ferraz complementou seu raciocínio dizendo que os rubros estão totalmente no páreo por uma das vagas na segunda fase da Copa Rio. Apesar de algumas dificuldades enfrentadas até esta rodada, como a impossibilidade de treinar e atuar no Estádio Giulite Coutinho - por conta das obras no mesmo e da recuperação do gramado -, o técnico demonstrou confiança nos bons resultados nas rodadas futuras do certame:
    "Sem dúvidas seguimos com chances de classificação. Se vencermos nossos dois próximos jogos ficamos mais perto do nosso objetivo. Não pudemos atuar e jogar no Giulite Coutinho, devidos as obras, e isso dificulta o nosso trabalho. Não quero por a culpa nisso, mas é complicado não ter o nosso caldeirão. Porém temos que superar estes percalços. Eu continuo acreditando, o grupo é bom e, com certeza, se a bola começar a entrar, tudo vai mudar", concluiu o comandante do America.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Raffa Tamburini/America Rio

    Sacramento destaca seriedade do Tanguá/Gonçalense

    A um ponto do líder do seu grupo, o Tanguá/Gonçalense tem mais duas rodadas para conseguir retomar a primeira colocação do Barcelona e dessa forma, garantir o acesso à Série B do Rio sem necessidade de repescagem. No que depender do comprometimento do elenco, essa meta será alcançada. No último domingo, o Tricolor manteve o ritmo e conseguiu vencer o Duquecaxiense por 2 a 0. O desempenho mereceu elogios do treinador:

    "Como já era de se esperar, foi uma partida difícil. Enfrentamos uma equipe que mesmo tendo poucas chances de classificação, dificultou a nossa vida na primeira etapa. Mas o nosso diferencial foi a seriedade que os atletas assumiram dentro de campo. Nós jogamos com responsabilidade e foi isso que fez o placar ser construído na segunda etapa a nosso favor", disse Emanoel Sacramento (foto).

    O Tanguá/Gonçalense faz uma espécie de final no próximo domingo, dia 07, contra o Barcelona, no estádio Eustáquio Marques, às 11h. Se vencer, o time assume a liderança da Chave G e dependerá de uma vitória simples contra a Esprof, na última rodada, para selar o acesso. Se perder, terá que se conformar em disputar a repescagem.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Gabriel Farias/Futebol Gonçalense

    Bangu disputará torneio no Espírito Santo

    Como só voltará a campo pela Copa Rio na quinta-feira, dia 11, o Bangu Atlético Clube disputará o torneio Unimed Vitória 2014 no próximo final de semana. Participarão da competição, além do Bangu, Desportiva/ES, Rio Branco/ES e Serrano/BA. A delegação banguense embarca na tarde desta sexta-feira, após o treinamento da manhã:
    "Essa competição será importante para mantermos nossos jogadores em atividade, além de se tratar de um torneio de muita tradição no Espírito Santo. Vamos para Vitória em busca do título", disse o técnico Mário Marques.
    No sábado, dia 06, teremos os seguintes confrontos: Bangu x Desportiva e Rio Branco x Serrano. Os vencedores disputarão a final na segunda-feira, dia 08.
    Pela Copa Rio, o Bangu enfrenta o Queimados na quinta (11/09), às 15h, no estádio Nivadão, em Austin, pela terceira rodada da competição.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Agência FERJ

    COAF realiza encontro para divulgar conteúdo do Curso Futuro III RAP-FIFA

    A COAF-RJ realizou na noite da última terça-feira, dia 02, em sua sala de treinamento, o encontro entre os árbitros e árbitros assistentes que estiveram presentes no CURSO FUTURO III RAP-FIFA promovido pela CA-CBF no período de 25/08 a 02/09 na Granja Comary e os instrutores nacionais e regionais da COAF-RJ.
    Na oportunidade, além de conhecer, analisar e debater o conteúdo pragmático divulgado ao longo do curso foi repassado o material didático distribuído aos mesmos para produção de cópias para o acervo didático da Comissão:
    "Como de hábito, faremos agora o papel de multiplicadores, ou seja, já na segunda-feira dia 19 de setembro, estaremos repassando o conteúdo para todos os árbitros e árbitros assistentes da RENAF, bem como, daremos inicio ao ciclo de palestras para todos os módulos de arbitragem da COAF-RJ para a devida atualização dos mesmos", declarou Jorge Rabello, Presidente da COAF.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Úrsula Nery/Agência FERJ

    Volta Redonda vence o America com gol no fim

    Com um gol aos 45 minutos do segundo tempo, marcado pelo jogador Rafael Laurenço, o Volta Redonda derrotou o America por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (03/09), no estádio Raulino de Oliveira, pela quarta rodada do Grupo A da Copa Rio.
    O JOGO
    Nos primeiros cinco minutos da partida, o time da casa tentou impor o ritmo no início do jogo. Depois deste tempo, os rubros equilibraram a partida e criaram a melhor chance da primeira etapa. Aos oito, Leandro Chaves cobrou escanteio da direita, Vladimir desviou na primeira trave e a defesa cortou para a entrada da área. Muniz pegou o rebote, invadiu a grande área e soltou uma bomba de direita. No entanto, o remate foi espalmado para escanteio pelo goleiro do Volta Redonda.
    O Voltaço respondeu no minuto seguinte. Anderson Paim cobrou falta da direita e Felipe socou com segurança, afastando o perigo da área.
    No restante da etapa, as equipes não conseguiram criar chances reais de gol. Com isso alguns chutes de fora da área - para fora -, de Lucas, do Volta Redonda, aos 32 minutos, e de Júnior, pelo America, aos 33, foram as melhores oportunidades de gol do resto da etapa.

    America volta melhor, mas sofre gol no fim

    Parecia que a segunda etapa reservaria um futuro melhor ao America. Pois a equipe de Campos Sales foi melhor que os donos da casa, se mantendo com a posse e agredindo o Volta Redonda. Desta forma o America esteve durante boa parte da etapa final, em seu campo de ataque. Contudo os rubros não levaram perigo ao gol do arqueiro Douglas.

    O contrário se aplicava e o goleiro Felipe não precisou efetuar defesas para conter o adversário. Porém, quando o jogo parecia que ia terminar empatado, um lance mudou a história da partida.
    Aos 45 minutos, após bate e rebate dentro da área, o árbitro assinalou toque de mão de China dentro da área. Pênalti, que Rafael Laurenço cobrou forte, no canto esquerdo e decretou a vitória do Tricolor de Aço: 1 a 0.
    Ficha Técnica:

    Volta Redonda x America – Copa Rio, 4ª rodada
    Data/Hora: 03/09/2014, às 20h

    Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda
    Árbitro: Philip Georg Bennett
    Assistentes: Wagner de Almeida Santos e Jackson Lourenço Massara dos Santos
    4º árbitro: Leonardo Rotondo Pinto

    America: Felipe; China, Jadson, Vladimir e Edu Pina; Taércio, Júnior (Marcelinho), Muniz e Leandro Chaves; Gilcimar (Rafael Rebelo) e Allan (Vinícius Paquetá). Técnico: Ailton Ferraz.

    Volta Redonda: Douglas; Formiga, Luan, Arimax e Anderson Paim; Bruno Barra, Lucas (Eduardo), Jorginho (Willian) e Rafael Laurenço; Preto (Lucas Almeida) e Jeferson. Técnico: Toninho Andrade.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Raffa Tamburini/America Rio

    Flamengo e Botafogo avançam na Copa do Brasil

    O Rio de Janeiro está mais vivo do que nunca na Copa do Brasil. Isso porque, Flamengo e Botafogo reverteram seus placares adversos nos jogos de ida, e avançaram para quartas de final da competição nacional.
    PAULO VICTOR BRILHA NOS PÊNALTIS E GARANTE CLASSIFICAÇÃO
    No Maracanã, apoiado mais uma vez pela sua torcida, o Flamengo precisava vencer por três gols para levar a decisão para os pênaltis. E conseguiu.
    Com gols de Alecsandro (2) e Eduardo da Silva, o rubro-negro empatou o placar agregado dos dois jogos. Nas cobranças de penalidades máximas, brilhou a estrela do goleiro Paulo Victor que defendeu duas cobranças e garantiu à classificação: 3 a 2.
    GOL AOS 50 MINUTOS GARANTE TRIUNFO HERÓICO DO BOTAFOGO
    No Ceará, o Botafogo tinha uma missão muito difícil: vencer a boa equipe do Ceará.
    Numa partida que teve até falta de luz no estádio Castelão, o alvinegro carioca marcou dois gols nos acréscimos e garantiu a vaga de forma heroica: 4 a 3. O gol da classificação foi marcado pelo zagueiro André Bahia, aos 50 minutos de jogo.
    PRÓXIMOS ADVERSÁRIOS
    Na próxima fase o rubro-negro enfrentará o América de Natal. Já o Botafogo terá pela frente o Santos.
    Veja os gols das duas partidas:



    Agência FERJ
    imgCapa
    Guito Moreto (O Globo) e LC Moreira (Agência Estado)

    Macaé goleia o Campo Grande na reestreia de Josué Teixeira

    No jogo que marcou a reestreia do técnico Josué Teixeira, o Macaé não tomou conhecimento do Campo Grande e goleou o adversário por 6 a 1 na tarde desta quarta-feira (03/09), no Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo. A partida foi válida pela segunda rodada do Grupo C da Copa Rio. Fernando Santos, duas vezes, Juba, João Carlos, Leozinho e Jonathan Balotelli marcaram os gols do Leão, enquanto que Jorge Alan descontou, de pênalti, para a equipe da Zona Oeste.
    Com o resultado, o Macaé assumiu a liderança isolada da chave, com seis pontos (duas vitórias em dois jogos e 100% de aproveitamento). O vice-líder é o Madureira, que empatou em 3 a 3 com o Barra da Tijuca, em Conselheiro Galvão. O Tricolor Suburbano soma quatro pontos e o Barra tem apenas um. Já o Campo Grande, derrotado nas duas rodadas, segura a lanterna.
    Após etapa inicial morna, Macaé se impõe e goleia
    Com sua equipe considerada reserva - os titulares da Série C foram poupados - e alguns atletas sendo observados pelo técnico Josué Teixeira, o Macaé sinalizou que não teria problemas para derrotar o Campo Grande. Tanto que o Leão abriu o placar logo aos 2 minutos com Fernando Santos, após receber passe do estreante Juba.
    Mas, o Alvianil Praiano se acomodou e diminuiu o ritmo, apostando na superioridade técnica. Mesmo assim, o Macaé ainda colocou uma bola na trave aos 33 minutos com Fernando Santos. Só que, num cochilo, o Campo Grande conseguiu o empate aos 44. Jorge Alan foi derrubado na área e o próprio atacante cobrou pênalti para deixar tudo igual.
    Após o “puxão de orelhas” do novo treinador no vestiário, o Macaé voltou com tudo na etapa final. Aos 18 minutos, João Carlos escorou para Juba, que dominou e chutou firme, sem chances para Jonas. O Macaé seguiu pressionando e chegou ao terceiro gol aos 27. Fernando Santos recebeu de Wallace, em profundidade, avançou em direção ao gol e tocou na saída do goleiro.
    Sem reação, o Campo Grande sofreu o quarto gol aos 34 minutos. Após passe de Bruno Alves, João Carlos tocou com categoria na saída de Jonas. O quinto do Macaé veio aos 37. Leozinho arriscou da linha de escanteio e Jonas aceitou. Ainda deu tempo para o sexto. Aos 43 minutos, Jonathan Balotelli entrou na área, após assistência de Leozinho, e tocou a esquerda de Jonas, dando números finais: Macaé 6 x 1 Campo Grande.
    Na próxima quarta-feira (10/09), no encerramento do turno, o Macaé encara o Madureira, às 15h, em Conselheiro Galvão. Porém, antes, o Alvianil visita o Juventude, pela Série C do Brasileiro, neste sábado (06), às 18h30min, no Alfredo Jaconi.
    FICHA TÉCNICA:
    MACAÉ ESPORTE 6 X 1 CAMPO GRANDE
    Data/Hora: 03/09/2014 – 15h
    Local: Estádio Moacyrzão, em Macaé
    Árbitro: Daniel Wilson Barbosa de Castro
    Assistentes: Marcos Antônio Santos e André Luis da Silva Segundo
    Macaé Esporte: Milton Raphael; Wallace, Leandro Cardoso, Laerte e Bruno Santos; Malco (Bruno Alves), Dos Santos, Keninha e Fernando Santos (Leozinho); Juba (Jonathan Balotelli) e João Carlos. Técnico: Josué Teixeira.
    Campo Grande: Jonas; Leonardo, Ivan, Cristiano e Michael; Felipe, Vitor Sessa, Sérgio e Alex (Jhonatan); Jhony (Wellington) e Jorge Alan. Técnico: Vilson Porto.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Tiago Ferreira/Ascom Macaé

    Nova Iguaçu vence a primeira na Copa Rio

    O Nova Iguaçu conquistou nesta quarta-feira (03/09) sua primeira vitória na Copa Rio. Num jogo duríssimo, a Laranja da Baixada superou o Audax Rio no estádio Arthur Sendas, em São João de Meriti, e venceu por 2 a 1, chegando aos cinco pontos na classificação do Grupo A. Paulo Henrique, de pênalti, e Rodrigo César fizeram os gols do time Iguaçuano, com Willian descontando para o time da casa.
    O JOGO
    Sem o apoio dos torcedores devido à falta dos laudos técnicos exigidos pela Federação, a partida foi disputada com portões fechados. Mas isso não influenciou em nada o duelo. A partida foi intensamente disputada. A equipe da casa começou tocando mais a bola, e o Nova Iguaçu apostava na marcação sob pressão.

    Numa dessas pressões feitas, o Nova Iguaçu conseguiu sair na frente. Marlon roubou a bola do zagueiro Marcão e foi derrubado dentro da pequena área. Pênalti, que Paulo Henrique cobrou deslocando o goleiro Paulo Vitor: 1 a 0. O panorama de todo o primeiro tempo se manteve, com o Audax Rio apostando nas bolas aéreas e o Nova Iguaçu sempre levando perigo nos contra-ataques.

    No segundo tempo, o Audax Rio lançou-se à frente, mas acabou sofrendo o segundo gol. Numa bola parada, o Nova Iguaçu conseguiu ampliar, aos 17 minutos, após Rodrigo César pegar sobra da defesa depois de escanteio cobrado da esquerda: 2 a 0. Em desvantagem, o Audax foi para o tudo ou nada e conseguiu diminuir aos 35, com Willian.

    Os minutos finais foram de pressão da equipe da casa, mas a defesa do Nova Iguaçu se segurou bem e o placar não foi mais alterado.

    FICHA TÉCNICA:
    AUDAX RIO 1 X 2 NOVA IGUAÇU

    Local:
     Estádio Arthur Sendas, em São João de Meriti
    Data-Hora: 3/9/2014 - 15h
    Árbitro: João Ennio Sobral
    Assistentes: Daniel do Espírito Santo Parro e Patricia Silveira de Paiva Retondário da Silva

    Audax Rio: Paulo Vitor; Loureiro, Marcão, Aderaldo e Willian; Arthur, Jociano, Luquinha (Eder Granja) e Felipe Desco; Michel (Pablo) e Matheus Peixoto (Victor Pivoto). Técnico: Cadu.

    Nova Iguaçu: Jefferson; Yan, Rhayne, Jorge Fellipe e Rafael Estevam; Paulo Henrique, Rodrigo César e Dieguinho; Wescley (Rodrigo Almeida), Ramon (Luiz Filipe) e Marlon (Luan). Técnico: Marcelo Salles.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Bernardo Gleizer/NIFC

    Empate sem gols no Eduardo Guinle

    Um jogo equilibrado, onde não faltou disposição de ambas as equipes. No entanto, Friburguense e Resende não conseguiram balançar as redes na noite desta quarta-feira (03/09), no estádio Eduardo Guinle, em Nova Friburgo, pela segunda rodada do Grupo D da Copa Rio.
    De fato, poucos foram os momentos de inspiração e lances de real perigo ao gol das duas equipes. A marcação forte sobressaiu, e os ataques pouco puderam produzir.
    Com o resultado, o Friburguense somou o primeiro ponto na Copa Rio, e volta a jogar em casa na próxima rodada. O adversário da próxima quarta-feira (10/09) será o Duque de Caxias, às 19h30min. Já o Gigante do Vale, que somou seu quarto ponto, receberá no mesmo dia, mas às 15h, o Bonsucesso, no estádio do Trabalhador.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Vinicius Gastin/FAC

    Bangu arranca empate contra o Boavista

    Numa partida bastante movimentada e com seis gols, Bangu e Boavista ficaram no empate em 3 a 3, na tarde desta quarta-feira, dia 03, em Moça Bonita, pela segunda rodada do Grupo B da Copa Rio 2014.
    No final, o resultado acabou sendo comemorado pela equipe banguense, que perdia por 3 a 1, mas foi buscar o empate. Isso com um jogador a menos, já que aos sete minutos do segundo tempo, o lateral-direito Everton foi expulso.
    Com o resultado, o Verdão de Saquarema segue na liderança do grupo, agora com quatro pontos. O Bangu é o terceiro com dois, atrás do Ceres que derrotou o Queimados e chegou também a quatro.
    BOAVISTA ABRE 3 A 1 NO PRIMEIRO TEMPO
    Mal começou o jogo e o time visitante tratou logo de abrir o placar. Aos 5 minutos, Willian Maranhão cruzou, Cláudio Pagodinho chutou, e no rebote, Willian Bersan fez o primeiro da equipe de Saquarema. E não demorou muito para sair o segundo gol do Boavista. Aos 26 minutos, Juninho recebeu cruzamento de Maranhão e só tocou para aumentar o placar. A essa altura, a defesa banguense estava totalmente perdida em campo.
    No entanto, o Bangu mostrou que entraria novamente no jogo com seu primeiro gol. Matheus Pimenta tabelou com Daniel Rozen e cruzou para Daniel Marins, com o gol vazio, diminuir.
    Porém, novamente a defesa falhou. Após cobrança de falta no meio campo, Bersan lançou Cláudio Pagodinho, que livre invadiu a área e só tocou na saída do goleiro: 3 a 1.
    BANGU VOLTA MODIFICADO E CONQUISTA EMPATE

    Percebendo que sua defesa estava totalmente perdida, o técnico Mário Marques, voltou para segunda etapa com duas modificações. Entraram Anderson Penna e Dú Paraíba nos lugares de Rafael Santos e Daniel Rozan, respectivamente. Nem bem a bola rolou, e as coisas se complicaram ainda mais para a equipe da casa.
    Aos 7 minutoso lateral-direito Everton, foi expulso após choque com Nil. Parecia que a vitória estava sacramentada para o Boavista. Só parecia.
    Mais ofensivo, o Bangu conseguiu encontrar o segundo gol após jogada de Matheus Pìmenta. O atacante invadiu a área e foi derrubado por Vítor Faíska. Pênalti, que Marcelo Fernandes cobrou e renovou as esperanças banguenses no jogo: 3 a 2.
    O Boavista levava muito perigo nos contra-ataques, mas finalizava errado. Ao Bangu só restava atacar. E num desses ataques, saiu o empate. Matheus Pimenta fez bonita jogada pela esquerda e tocou para Du Paraíba empatar o jogo: 3 a 3.
    PRÓXIMOS JOGOS
    As duas equipes voltam a campo pela Copa Rio na próxima semana. O Boavista terá pela frente o Ceres, quarta-feira (10/09), no estádio João Francisco, às 15h. Já o Bangu medirá forças contra o Queimados, no dia seguinte, no estádio Nivaldão, em Austin, no mesmo horário.
    Antes, o Verdão de Saquarema no sábado, dia 06, terá uma decisão pelo Campeonato Brasileiro da Série D. O time receberá em seu estádio o Penapolense/SP, às 15h, necessitando desesperadamente da vitória para seguir com chances de classificação à segunda fase da competição nacional.
    FICHA TÉCNICA:
    Bangu 3 x 3 Boavista - Copa Rio, Grupo B
    Data/Hora: 3/9/2014 às 15H
    Local: Estádio de Moça Bonita
    Árbitro: Daniel de Sousa Macedo
    Assistentes: Carlos Henrique de Sousa e Pedro Henrique da Eira

    Bangu: Fernando Cunha; Everton, Rafael Santos (Anderson Penna), Rafael Sales e Guilherme; Thiago Conceição, Magno e Daniel Rozen (Du Paraíba); Matheus Pimenta, Marcelo Fernandes e Daniel Marins (Anderson Kunzel). Técnico: Mário Marques.

    Boavista: Dida; Leomir, Leandro Souza, Victor e Nil; Vitor Faíska, Adriano (Luiz Carlos, depois Cristiano) e Willian Bersan; Claudio Pagodinho, Willian Maranhão e Juninho (Edu). Técnico: Marcio Bittencourt.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Agência FERJ

    Duque de Caxias e Bonsucesso ficam no 0 a 0

    Numa partida bastante movimentada, mas sem alteração no placar, Duque de Caxias e Bonsucesso empataram em 0 a 0, no estádio Marrentão, em Xerém, na tarde desta quarta-feira, dia 03, pela segunda rodada da Copa Rio 2014.
    Com o resultado, o Bonsuça chegou aos quatro pontos ganhos permanecendo na liderança do Grupo D. Já o time caxiense, atual campeão da competição, conquistou seu primeiro ponto.
    Na próxima rodada, o Duque de Caxias visitará o Friburguense, dia 10, às 19h30min, no Estádio Eduardo Guinle, em Nova Friburgo. Já o Bonsucesso recebe o Resende, no Estádio Leônidas da Silva, no mesmo dia, mas às 15 horas.
    Agência FERJ
    imgCapa
    Vitor Costa

    Vasco treina no CFZ com presença da PM e Pedro Ken pode voltar ao time

    Vasco treina no CFZ com presença da PM e Pedro Ken pode voltar ao time

    Meia treinou e se mostrou recuperado de lesão no joelho

    O DIA
    Rio - Tentando se reabilitar da crise instaurada em São Januário, o Vasco treino na manhã desta quinta-feira no CFZ. Temendo protesto de torcedores, policiais militares acompanharam a atividade. Quem também apareceu no local foi o presidente Roberto Dinamite e o VP Ercolino. Antes de começar o treinamento, os jogadores fizeram uma roda para ter uma conversa com o técnico interino Jorge Luis e o preparador físico Daniel Gonçalves.
    Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco
    Treino do Vasco no CFZ teve a presença de Policiais Militares para garantir a segurança
    Foto:  Carlos Moraes
    A novidade para o duelo de sábado, contra a Luverdense, às 16h20, deve ser o retorno de Pedro Ken. O jogador apareceu no gramado sem problemas e participou do treinamento com o restante do grupo. Ele está fora do time desde que teve um estiramento no joelho na partida contra o América-RN, em julho.
    Quem vai desfalcar o Gigante da Colina é o goleiro Martín Silva, que está com a seleção do Uruguai. Luan e Fabrício também estão fora por conta do terceiro cartão amarelo. E Kleber cumpre o último jogo de suspensão. No gramado, Jorge Luis comandou um treinamento de dois toques em campo reduzido.
      Tags: Vasco , Treino , Pedro Ken